Benefícios das pastas de oleaginosas

A mais antiga e a mais popular pasta que conhecemos é a de amendoim. De uns anos pra cá, ela ganhou um grande espaço nas prateleiras dos supermercados e lojas de suplementos quando virou febre da galera fitness.

Nessa onda entraram no mercado outras pastas – de oleaginosas – como a pasta de castanha de caju, de amêndoas, macadâmia, pistache, entre outras.

Vale a pena incluir essas pastas no seu cardápio? Quais os benefícios?

RICAS EM NUTRIENTES
Apesar dessas pastas serem calóricas, elas são carregadas de bons nutrientes. Todas elas contêm gorduras monoinsaturadas e poliinsaturadas (saudáveis para o coração com efeito antiinflamatório), proteínas, fibras, vitaminas e minerais.

Elas são ricas em selênio (sendo a Castanha do Pará a oleaginosa com maior quantidade desse mineral), vitamina E e zinco, substâncias antioxidantes, que combatem os radicais livres e previnem o envelhecimento.

VERIFIQUE O RÓTULO
O melhor das pastas de leguminosas e de oleaginosas é o sabor e os nutrientes que ela, quando pura, proporciona. Evite comprar pastas com adição de açúcar ou outras gorduras. Entretanto, existem algumas opções interessantes de ingredientes adicionados às pastas como cacau ou nibs de cacau, leite de coco e proteína vegana.

Se você for preparar suas pastas de oleaginosas em casa, escolha castanhas, amêndoas, avelãs ou nozes sempre in natura, sem adição de sal. Além de ser mais saudável, isso dá a possibilidade de você decidir o que deseja fazer com a sua pasta.


QUILINHOS A MENOS?
Alguns estudos demonstram que as proteínas, fibras e gorduras das pastas de oleaginosas nos dão saciedade e mantêm nosso nível de energia constante ao longo do dia. É por isso que o consumo regular de pasta de oleaginosas (mesmo sendo calóricas) pode evitar o ganho de peso. (só não exagere!!)


COMO USAR?
Vou te dar uma dica que eu adoro! Corte pedaços de maçã e derrame por cima um pouco de pasta de castanha de caju ou de avelã e finalize com um pouquinho de canela e sementes de chia. Fica bom demais!!!

Outra dica é preparar leites vegetais com pastas de amendoim, castanha de caju ou outra oleaginosa. Para uma porção individual adicione 1 colher de sopa de pasta com 200ml de água quente e bata com um mixer. Você não precisa coar o seu leite e ele está pronto para ser consumido! Simples, né?

As pastas de oleaginosas também são ótimas para você preparar trufas, cremes, sobremesas, pastas doces e salgadas. Agora que você já sabe mais sobre as pastas de oleaginosas, tenha sempre um pote em casa para você começar a experimentar nos seus diferentes preparos.

Descobriu a intolerância à lactose há pouco tempo?

Comece por aqui:

Não, obrigado.

Primeiros Passos

Aula gratuita com tudo que você precisa saber sobre intolerância à lactose, alergia ao leite e alimentação saudável sem laticínios.