Anúncio

Novo bombom sem leite conquista paladar dos consumidores

1

A guloseima vem do sul e já faz o maior sucesso por lá. Marcia Molina é a criadora do Chocoveg, um bombom com recheio de brownie que a ex-proprietária de um café em Curitiba resolveu desenvolver depois de perceber a dificuldade de encontrar opções realmente tentadoras para quem tem intolerância à lactose ou alergia ao leite.

Logo após o seu lançamento, o Chocoveg já é um sucesso em restaurantes vegetarianos, empórios veganos, de produtos naturais e cafés de toda Curitiba, comenta Helton Rodrigues, sócio da empresa.

Nós recebemos uma caixinha dos bombons para degustação e contamos para vocês em primeira mão.

Chocoveg - bombom sem lactose

O bombom é feito artesanalmente em formato de biscoito coberto com chocolate à base de soja e recheado com uma massa de brownie super macia, com uma consistência que foge dos brownies tradicionais e lembra quase uma mousse de chocolate. O bombom é doce na medida e, sinceramente, não dá pra comer só um. É bom demais!!

O Chocoveg não contém ingredientes de origem animal, por tanto pode ser consumido por veganos e também por quem tem restrição à lactose e às proteínas do leite.

Para quem ficou com desejo de experimentar, converse com o pessoal da Chocoveg através do chocoveg@gmail.com. Eles devem iniciar a distribuição para outros estados nos próximos meses e poderão fazer entregas pelos correios.

Anúncio
Compartilhe.

Sobre o autor

Portoalegrense, graduada em Letras, MBA em Marketing de Serviços pela ESPM-RS e MBA Executivo pela FDC. Na área de culinária, Luciane fez cursos no IESB, Escola de Gastronomia de Brasília, além de diversos workshops no Brasil e no exterior. Após descobrir sua intolerância à lactose em 2006, Luciane passou a pesquisar o tema e deu início à criação e adaptação de receitas, substituindo ingredientes e experimentando novos sabores. Em 2007 nasce o Semlactose.com e, desde então, Luciane atua como editora e administradora do site, sempre em busca de novidades na área.

1 Comentário

Deixe um comentário