Anúncio

Pasta de grão de bico

23

Muitas vezes, quando vou a um café, fico naquele super desânimo só de olhar os recheios dos sanduiches e de outros quitutes. Requeijão, queijo catupiry, molho de queijo, molhos à base de creme de leite, e por aí vai. Quando peço para “quem sabe seria possível trocar o molho ou a pasta?”,  geralmente recebo um olhar descrente do garçom.

Mas afinal, é possível fazermos um sanduiche daqueles de dar água na boca com recheios que não levem leite?

Foi para isso que testei essa receita de pasta de grão de bico. Semelhante ao homus, uma pasta muito usada na culinária árabe, mas com alguns ingredientes que conferem um sabor que lembram queijo. Sim!

Esta receita foi adaptada do livro The Ultimate Uncheese Cookbook, um livro de receitas veganas cujo objetivo é criar pastas e molhos que lembrem o sabor de queijo. Pela falta de alguns ingredientes no Brasil, precisei adaptar a receita, mas adorei o resultado. Não acho que seja possível comparar a um requeijão, pois a textura é diferente, mas é muito mais nutritivo e com menor teor de gorduras.

INGREDIENTES

  • 2 xicaras de grão de bico cozido
  • 3 colheres de sopa de levedo de cerveja
  • 3 colheres de sopa de tahine
  • 4 colheres de sopa de suco de limão
  • 4 colheres de sopa de azeite de oliva extra virgem
  • 1 colher de chá de cebola desidratada em flocos
  • 1 colher de chá de alho em flocos ou em pó
  • 1 colher de chá de sal
  • 1/2 colher de chá de páprica doce
  • 1 colher de chá de mostarda (opcional)
  • 1/2 xícara de água

PREPARO

Bata todos os ingredientes, exceto a água, em um processador. Aos poucos, vá adicionando a água até chegar a textura que você prefere.

Dicas
  • Dê preferência por usar um processador de alimentos ou mixer. Mas também é possível usar um liquidificador. Porém, você precisará ter mais paciência. Será necessário parar algumas vezes para mexer o conteúdo já que o grão de bico forma uma pasta espessa e mais difícil de ser triturada no liquidificador.
  • Para preparar o grão de bico: deixe o grão de bico de molho na água de um dia para outro. Cozinhe em panela de pressão por 15 a 20 minutos depois de ferver ou em panela normal, por pelo menos 1 hora.
  • Para aqueles que não podem consumir glúten, digo que o levedo de cerveja é um ingrediente bem importante nesta receita, pois ele deixa a pasta com leve sabor de queijo. Mas sim, é possível prepará-la sem esse ingrediente.
  • Experimente com pão integral no café da manhã. Fica uma delícia!
  • Congele em potes pequenos. Para descongelar, apenas retire do freezer e deixe no refrigerador por 8 a 12 horas.
  • O rendimento se refere ao número de porções de 200 g cada
Anúncio
Compartilhe.

Sobre o autor

Portoalegrense, graduada em Letras, MBA em Marketing de Serviços pela ESPM-RS e MBA Executivo pela FDC. Na área de culinária, Luciane fez cursos no IESB, Escola de Gastronomia de Brasília, além de diversos workshops no Brasil e no exterior. Após descobrir sua intolerância à lactose em 2006, Luciane passou a pesquisar o tema e deu início à criação e adaptação de receitas, substituindo ingredientes e experimentando novos sabores. Em 2007 nasce o Semlactose.com e, desde então, Luciane atua como editora e administradora do site, sempre em busca de novidades na área.

23 Comentários

  1. Parabéns pelo site!!
    Descobri que sou intolerante a lactose e estou aprendendo agora como lidar com isso. O site tem me ajudado muito.
    No meu caso o único sintoma é enxaqueca. Isso é comum??
    Abraços

    • Oi Maíra,
      A enxaqueca pode ser uma consequência da má digestão causada pela dificuldade de digestão da lactose. Mas como explicado, ela geralmente seria acompanhada de sintomas de má digestão. Se vc tem dúvidas quanto aos seu diagnóstico ou sintomas, converse novamente com o seu médico. abs

    • Olá, Maíra
      Descobri que a causa das minhas enxaquecas era a intolerância à lactose.
      Segundo o médico que diagnosticou a intolerância, algumas pessoas podem
      sim ter somente enxaqueca, que às vezes podem vir acompanhadas de cólicas
      abdominais e diarréias.
      Abraços,

  2. Ótima sugestão Luciane! Adorei!!!
    Essa semana postei no blog uma receita que serve de substituto para o catupiry, se chama tofupiry, você já provou? Eu achei uma delícia, fiz uma pizza muito saborosa com ele! Bjos

  3. Olá Luciane. Eu descobri há quase um ano que sou intolerante à lactose. Mesmo depois de cortar leite e derivados da minha alimentação, ainda tenho sintomas de má digestão, o que fez minha médica desconfiar de intolerância a outros produtos. Enquanto não termino meus exames (e estou bem apreensiva), confesso que o seu site tem sido um alívio pra mim. Vejo que há sim alternativas; e que são fáceis e saborosas. Parabéns pelo site, obrigada pelas preciosas informações e, por favor, continue. Bjs, Valéria

    • Obrigada, Valéria! O início é sempre mais difícil pela falta de informações, mas aos poucos tenho certeza que vc se adapta e acabará apreciando novos sabores! Bjos!

  4. TeresaCBrandão on

    Luciane, eu sinto exatamente assim, com essa tristeza, quando na rua não tem nada que eu possa comer com o cafezinho (que também já não pode ser um cappuccino, ou chocolate quente, caffelatte…). E olha que já sei da minha intolerância há tempos!! Mas ainda me dá uma agonia por não encontrar nos cafés o substituto do velho pão de queijo… Uso muito essa pasta de grão de bico e faço com frequência, mas a tradicional, agora vou provar essa que você sugeriu. Aproveito para dizer que adoro o site e parabenizo você por esse trabalho tão bonito. Um dia nos vemos aqui em BSB. Abração. Teresa

    • Obrigada pelos comentários Teresa! É sempre tão difícil, né? Seria ótimo se os cafés tivessem sempre algumas opções para aqueles que não consomem leite. Principalmente esses estabelecimentos em que 90% do que oferecem no cardápio contém leite! Quem sabe consigo convencer um café a fazer uns quitutes legais sem leite e fazemos o encontro dos IL aqui em BSB… abs

  5. Comi a pasta com pão de centeio que fiz e adorei. Eu não tinha muitas opções para o lanche e esta foi ótima. Muito obrigada. Marlene

  6. Maria Thereza on

    Depois que descobri que tenho intolerância à lactose passei a utilizar um remédio chamado Lactaid, todas as vezes que ingiro alimentos que a contenham. Há algum inconveniente em usá-lo com frequência?

    • juliana_nutri on

      Olá Maria Thereza,

      Só fique atenta para não tomá-lo sem necessidade…use-o somente quando for ingerir alimentos com lactose, e assim mesmo com uma quantidade que justifique o uso. Também é importante lembrar que algumas pessoas relatam desconforto com o uso prolongado e outras percebem que a eficácia diminui.

      Gde abraço,

      Juliana

  7. lourdes godinho on

    Quero dizer q fiquei muito satisfeita qdo descobri este site,estou na expectativa que vão me ajudar,pelo menos no que posso comer,pq minha vida tá um caos.É muita formação de gases.minha barriga fica enorme.É triste.um abraço.

    • Luci, eu tenho feito a pasta regularmente para o meu café da manhã. Com um pacote de grão de bico eu geralmente faço 5 potes pequenos de pasta (deve ter uns 200g cada). Congelo 4 e um fica em uso. Eu consumo um pote desses em uns 10 dias e durante este período ele se conserva muito bem. Como eu mantenho uma quantidade pequena no refrigerador, nao saberia dizer o prazo máximo de duração da pasta. abs

  8. Depois de quase 2 meses passando muito mal e sem saber o motivo,acabo de descobrir que estou com intolerância à lactose. Meu teste deu que sou "totalmente" intolerante. Quase morri! E agora, o que comer? Eu, que já sou bem chatinha para alimentar-me fiquei perdida. Ontem comecei a procurar na internet algo que pudesse me socorrer e aí deparei com o seu site, ufa! vi que existem mil alternativas e que não preciso morrer de fome com várias opções bem atraentes e que devem ser gostosas. Acho que vou ter problemas no meu café da manhã e no lanche da noite . Agora vou começar uma peregrinação para achar nos supermercados produtos que não contenham lactose, será que é fácil? Tenho uma preocupação: será que existe a possibilidade de ao comer em restaurantes, alguma comida conter lactose e a gente não saber? Como posso tranquilizar-me? Molhos de um modo geral são proibidos?Onde encontro o Lactaid? Estou muito feliz de te descobrir. Obrigada, Denise

    • juliana_nutri on

      Olá Denise,

      A recomendação geral é q no primeiro mês, a dieta seja totalmente sem leite e derivados, para que o intestino se recupere e quem sabe, volte a produzir a enzima lactase, pelo menos em pequena quantidade. Depois desse período, dependendo do grau de IL, é possível ingerir pequanas quantidades de lactose, sem que isso ocasione problemas.
      Existem muitos alimentos isentos de lactose ou com baixo teor da mesma, como os leites com 90% menos de lactose, iogurtes, leites fermentados, queijos, etc. Vc só precisa ficar atenta aos rótulos.
      Nos restaurantes, convém evitar molhos brancos, pratos gratinados, "à parmeggiana", sopas cremosas, que levam leite e/ou queijo, e em caso de dúvida, é bom perguntar os ingredientes de um determinado prato antes de pedir.

      O lactaid precisa ser importado, pois não tem sua venda liberada aqui no Brasil.

      Gde abraço,

      Juliana

  9. Gostei muito do site e adorei a ideia desta receita, mas tenho problemas com os ingredientes, o que é o suprasoy e como encontro equivalente em Portugal?

Deixe um comentário